O SENATEPI

janeiro, 2020

O movimento de tentativa de fundar o sindicato da enfermagem no Estado do Piauí remonta décadas de esforços de várias gerações da enfermagem piauiense, porém muitos foram os impasses que impediram a sua concretização. Na década de oitenta este movimento chegou a realizar reuniões de criação e elaboração do estatuto, no entanto não houve a adesão significativa do quantitativo de enfermagem da época necessários para a assembléia geral.

janeiro, 2020
junho, 2002 – 2004

De novembro de 2000 a junho de 2004, acadêmicos de enfermagem da UFPI que compunham o Diretório Central dos Estudantes-DCE e Centro Acadêmico de Enfermagem – CAENF da UFPI, em defesa de mais de 700 estudantes do referido curso, se organizaram em torno de um ideal, melhorar a profissão que um dia iriam atuar.
Nesse período de gestão do Centro Acadêmico houve várias reuniões com integrantes de outros centros acadêmicos de enfermagem do Piauí :representantes da FACOE-PARNAÍBA, Enfermagem de Floriano e do C.A. da NOVAFAPI, única faculdade particular de enfermagem existente no piauí naquele momento. O tema central dessas reuniões foi justamente a falta de representatividade e expressividade política da enfermagem Piauiense na garantia dos direitos trabalhistas da categoria, acentuado principalmente pela ausência de sindicato da categoria.
Uma das maiores reflexões era sobre o paradoxo da enfermagem ser o maior número de trabalhadores dentre os servidores públicos ou privados das instituições de saúde e justamente essa maioria permanecer sendo a única que não possuía sindicato Próprio.Foram contemporâneos e precursores deste debate e elaboração de um projeto de criação do sindicato da enfermagem: João Sérgio Moura, Rogério Medeiros, Marcelo Carvalho, Dean Douglas, Erick Riccely (DCE-UFPI), Fagner Macedo e Getúlio Leal ( Secretários e EX-presidentes do Centro Acadêmico da UFPI); Leidiane Barros, Gleice Régis e Katrine (Secretárias e Ex-presidentes do CA da FACOE). O compromisso Firmado pelo Grupo Acadêmico foi de imediatamente após as suas conclusões de curso fundar o Sindicato de Enfermagem do Piauí.

junho, 2002 – 2004
junho, 2006

Em 2006 houve a boa notícia de que um grupo de enfermeiros ter conseguido fundar o Sindicato apenas de Enfermeiros do Estado do Piauí, chegando a ocorrer assembléia e registro de Estatuto, entretanto prazos foram expirados por falta de participação da categoria que não aderiram ao processo de filiação, talvez por este movimento ter sido centrado apenas na CAPITAL Teresina e pouco divulgado. Em 2008 o Grupo de Ex- Presidentes do CA da UFPI voltam a se encontra como profissionais na mesma Instituição de Saúde ,pois passaram a trabalhar em Teresina após o maior concurso para enfermeiros já realizados em nível municipal. Uniram-se a este grupo os Técnicos de enfermagem da nova geração que assumiram neste mesmo concurso, destacando-se como líder dos Técnicos o jovem Francisco Alex. Então deu-se início uma maratona de reuniões e debates resultando na indicação dos nomes que compuseram a Primeira Diretoria do SENATEPI.

junho, 2006
outubro, 2009

Em 2009 a maior conquista deste grupo foi unir os enfermeiros, os técnicos e auxiliares de enfermagem no mesmo ideal, um sindicato único pra categoria de enfermagem.
Realizou-se um Planejamento Estratégico com a participação de profissionais das maiores cidades de todas as regiões do Piauí onde contamos com uma excelente assessoria jurídica, Contábil e de Publicidade do SENATEPI. No dia 30 de Outubro de 2009 aconteceu a grande Assembléia Geral de Fundação no Rio Poty Hotel em Teresina no Salão Poty às 15:15h tendo comparecido mais de 1500 profissionais. Foi um marco Histórico na enfermagem do Piauí onde a categoria se uniu em torno do mesmo IDEAL: AGORA TEMOS REALMENTE COM QUEM CONTAR!

outubro, 2009